Iruan fala por telefone: ?Oi, vovó, saudade, te amo"

Iruan Ergui Wu conversou em português com a avó, por telefone, poucas horas depois de ter sido retirado da casa da família taiwanesa. A criança disse "oi, vovó, saudade, te amo", "oi, dinda", para a tia Patrícia, e "oi, mano", para o irmão. A comunicação, viabilizada pelo diplomata Paulo Pinto no hotel em que estavam hospedados em Taiwan, deixou todos emocionados.Agora, a família brasileira de Iruan, de 8 anos, esperando ansiosa sua chegada: O menino deve desembarcar às 22h de amanhã no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre. E não quer expor o menino a constrangimento, como aconteceu em Taiwan. Durante entrevista aos correspondentes de agências de notícias internacionais e à Agência Brasil, a avó do menino, Rosa Leocádia Ergui, pediu tranqüilidade na chegada do neto, para que ele possa adaptar-se à vida com a da família brasileira. Rosa disse que o quarto de Iruan já está pronto e que na festa em família, haverá tudo o que o menino gosta. Ela tambémgarantiu que vai tratar bem qualquer familiar taiwanês do garoto. Segundo a tia, Patrícia Ergui Tavares, o acompanhamentopsicológico por profissionais voluntários já está assegurado. Patrícia garantiu que nenhuma pressão será exercida sobre Iruannesta fase de transição e adaptação. "Queremos levá-lo aos lugares que gostava e passar um feriadão com ele", revelou a tia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.