Italiano é acusado de matar e esquartejar ladrão em Salvador

O comerciante italiano Luca Improta, de 31 anos, que há três mora em Salvador, foi preso nesta sexta-feira sob a acusação de ter matado e esquartejado o ladrão Jackson Souza Santos, o "Jaquinho" de 21 anos. De acordo com o delegado Cedric Lobosco, o motivo do crime seria o fato de Jaquinho ter roubado o italiano no período em que ele construía uma pousada no bairro de Itapuã. O corpo foi encontrado pela polícia dentro de sacos de lixo jogados em frente à casa de Improta.Conforme Lobosco, somente na 12ª Delegacia Jaquinho já havia sido preso cinco vezes por tráfico de drogas e pequenos furtos. Também tinha passagem pela Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.