'Já passou da hora de aumentarmos os recursos'

O Centro Brasileiro de Estudos da Saúde, que tem 34 anos de atuação, defendeu uma contribuição permanente sobre a movimentação financeira exclusiva para saúde ou uma contribuição específica. Destacou que enquanto o País gasta 3,5% do PIB na área, o Reino Unido, que também tem um sistema universal, gasta 8%. "Já passou da hora de aumentarmos os recursos", disse o presidente Roberto Passos.

, O Estado de S.Paulo

06 Novembro 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.