Jogador Viola é libertado da prisão

O jogador Viola deixou a cadeia no fim da tarde de hoje. Ele foi preso na madrugada de domingo, dia do seu aniversário, em um condomínio de luxo de Santana de Paranaíba e autuado por porte ilegal de arma. A defesa do jogador alegou que o jogador não estava com a arma no momento da prisão, que ele tem endereço fixo e bons antecedentes.Em entrevista coletiva à imprensa, Viola declarou que comprou a arma há quatro anos e que nunca a utilizou para nada. O jogador se declarou colecionador de armas. Durante o período em que esteve preso, o jogador permaneceu em cela isolada, não fazia greve de fome, mas estava sem comer e alegava inocência. Viola contou que não portava a espingarda quando foi à casa da ex-mulher para buscar o filho, com quem queria comemorar seu aniversário.Ele afirmou que a arma estava em seu Honda Civic, deixado dias antes na garagem da casa de Leila. Uma fita gravada no condomínio mostra que Viola chegou a pé ao local. O jogador teria retirado a espingarda do seu sítio em São Roque porque um irmão que enfrenta problemas de depressão está na propriedade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.