/Reprodução
/Reprodução

Jogo com fuga de traficantes da Vila Cruzeiro tem 50 mil acessos em 24h

Desenvolvedora diz que web game, que deixa matar criminosos, foi criado para fazer crítica social

Estadão.com.br,

30 Novembro 2010 | 17h23

SÃO PAULO - Uma das cenas mais marcantes durante a ocupação policial dos morros na zona norte do Rio, se tornou um web game com mais de 50 mil acessos em cerca de 24 horas. O jogo dá a oportunidade de atirar nos traficantes enquanto eles tentam fugir. O 'Fuga da Vila Cruzeiro' capturou um frame da imagem amplamente divulgada pela TV Globo, que mostra o momento em que traficantes abandonam a favela, através de um morro, em direção ao Complexo do Alemão com base.

 

O texto de abertura diz: "A Polícia Militar faz uma megaoperação contra o tráfico de drogas (...) Centenas de traficantes, acuados na Favela Vila Cruzeiro, fogem desesperados (...) O objetivo é apenas retratar aquele momento e dar a você uma oportunidade de decidir". Criado na segunda-feira, 29, o jogo hospedado no site Kongregate ganhou destaque e virou sucesso nas redes sociais em poucas horas após sua disponibilização.

 

Nos comentários do site do jogo, um usuário fala "Acho que muita gente que viu esse vídeo, desejou poder fazer isso...". Outros afirmam que é engraçado. Jogadores de outros países reclamaram que não havia uma apresentação em inglês, para que se entendesse o intuito do jogo.

 

O game foi criado pela Pindorama Games, responsável por jogos publicitários. Em seu site, a empresa afirma que o intuito é apenas uma crítica social. "O game dá ao jogador a oportunidade de interferir nos acontecimentos recentes do Rio de Janeiro. O objetivo do jogo não é matar os traficantes, nem tampouco deixá-los fugir, é apenas mostrar um novo ponto de vista para a situação e deixar cada um agir e tirar suas próprias conclusões".

 

Veja também:

linkExército ficará no Alemão até julho

linkMoradores denunciam arrombamentos

linkPrefeitura faz mutirão de serviços na zona norte do Rio

mais imagens Veja fotos da onda de ataques no Rio

video Vídeo - Bope troca tiros no Complexo da Penha

especial CRONOLOGIA - A crise de violência carioca

Mais conteúdo sobre:
ataques no Rio Rio violência crime web game

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.