Jorge Amado chegou a estado de pré-coma

O escritor Jorge Amado chegou aficar em estado comatoso, teve fibrilação cardíaca, mas serecupera bem e já respira sem a ajuda de aparelhos. Sua mulher,Zélia Gattai, e a filha Paloma deixaram o quarto do escritor naUnidade de Tratamento Intensivo do Hospital Aliança no início datarde bem mais tranqüilas. "O pior já passou", disse Paloma,enquanto Zélia mostrava as fotos que tirou de Jorge Amado, naterça-feira, quando os dois jogavam baralho e ele estava muitobem. Segundo Paloma, o escritor estava sendo sedado desde ainternação, mas hoje já não recebia este tipo de medicamento."Também retiraram os aparelhos de respiração artificial",contou. Paloma informou que o pai passou por um momento difícil."Uma infecção urinária o deixou descompensado, o que provocou oaumento da taxa de açúcar no sangue", disse, assinalando queAmado chegou a ficar em de pré-coma. Alémdisso, sofreu uma fibrilação cardíaca, revertida rapidamente nohospital. "Não estamos com pressa queremos que ele passe otempo necessário no CTI até se recuperar totalmente", disse. Zélia mostrou as fotos tiradas do marido na terça-feirapara provar que ele estava bem. O escritor aparece de camiseta,aparentemente bem disposto, sentado à mesa na casa do bairro doRio Vermelho, jogando cartas. "Estou cansada, mas tranqüila",disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.