Jornal americano elogia investigações brasileiras

O jornal americano "Newsday" qualificou hoje as investigações brasileiras sobre a queda do Boeing 737 da GOL como racionais e sensatas. Em artigo assinado, o jornalista Bryan Maccann, que mora no Rio de Janeiro, comentou a reação brasileira ao acidente e a possível culpa dos pilotos americanos do Legacy, Joseph Lepore e Jan Paladino. Para Maccann, parte da discussão no País foi ?especulativa e virulenta?. De acordo com ele, o acidente fez renascer antigos ressentimentos contra os EUA, que para os brasileiros ignoraria os vizinhos do sul. ?Mas, mesmo veementes, essas teorias nunca deixaram de ser marginais e acabaram dando lugar a investigações racionais e sensatas sobre a aparente discrepância entre o plano de vôo do Legacy e a sua trajetória?, afirmou. O jornalista americano ressaltou que a reação brasileira foi muito semelhante à dos americanos em casos parecidos, por suscitar um profundo sentimento patriótico e pela exigência de que os culpados sejam encontrados. Maccan defendeu ainda o fato de as autoridades brasileiras terem confiscado os passaportes dos pilotos, afirmando que ?é difícil imaginar que as autoridades americanas reagiriam diferentemente?. Para o jornalista, ?os deputados no Congresso (americano) que representam Long Island e que tentaram repatriar os pilotos podem tem certeza de que eles receberão tratamento legal apropriado.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.