Jornalistas são ameaçados e expulsos do velório de Lulu

Jornalistas foram ameaçados e expulsos da Capela Real Grandeza do Cemitério São João Batista, em Botafogo, onde está sendo velado o corpo do traficante Luciano Barbosa da Silva, o "Lulu", que era líder do tráfico de drogas na Rocinha. Vários homens ligados ao traficante morto, segundo a Agência Brasil, ameaçaram os jornalistas, dizendo que iriam quebrar tudo. Familiares de Luciano Barbosa da Silva chegaram ao cemitério acompanhados de outras pessoas em cinco ônibus. A polícia militar acaba de chegar ao cemitério, onde o clima ainda é de muita tensão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.