Jovem acidentalmente atira e mata namorada

A adolescente D.F., de 16 anos, morreu na noite de sábado, após ser baleada na cabeça, na zona norte da capital. O namorado chegou a dizer que ela foi vítima de bala perdida, mas depois assumiu o crime. Ele disse que D. encontrou a arma que ele escondia na casa em que moravam. Ao tentar pegá-la, ele acidentalmente disparou. Ele disse que o casal não tinha problemas e que a adolescente estava grávida. A polícia vistoriou o local e não achou sinais de violência. O jovem foi encaminhado à Vara da Infância e Juventude.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.