Divulgação
Divulgação

Jovem de 13 anos ateia fogo em três hectares de vegetação no MS

Garoto foi apreendido e pai assumirá corresponsabilidade pelo crime

Solange Spigliatti, estadão.com.br

16 Agosto 2011 | 14h30

SÃO PAULO - Um adolescente, de 13 anos, foi apreendido nesta segunda-feira, 15, acusado de atear fogo em cerca de três hectares de vegetação de uma área particular no bairro Estrela do Sul,  em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Segundo a Polícia Militar Ambiental, o fogo matou diversos animais silvestres das espécies "gambá" e "preá", além de destruir árvores de grande porte, inclusive, "aroeira".

 

Vizinhos viram o jovem colocando fogo na vegetação que por conta do tempo seco se espalhou rapidamente. O fogo foi contido pelos moradores, que também detiveram o rapaz, até que o policiamento chegasse.

 

Os policiais localizaram o pai do adolescente e o conduziram à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com o filho para as providências criminais. O adolescente responderá pelo ato infracional e o pai pela corresponsabilidade pelo crime, além de pagar uma fiança de R$ 15 mil. A pena para quem provoca incêndio em matas ou florestas é de dois a quatro anos de reclusão.

 

Segundo a Polícia Ambiental, os dois foram liberados após depoimentos. O jovem, que mora na região da área afetada, estava ameaçando os vizinhos que o denunciaram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.