Jovem deixado na porta do hospital é reconhecido pelo pai

O adolescente que estava em coma no Hospital Bandeirantes, no bairro da Liberdade, desde a manhã de sábado, 17, foi reconhecido pelo pai na manhã desta quarta-feira, 21. Tiago, de 14 anos, foi deixado no hospital na manhã de sábado por dois homens que não quiseram se identificar. Tiago permanece internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital, ele está em coma por conta de um traumatismo craniano grave.Segundo o hospital, o pai do adolescente se apresentou com os documentos de identidade do garoto, permitindo sua identificação. A internação só foi divulgada pelo hospital na terça-feira, 20, pois havia a suspeita de que a família dele estivesse à sua procura.Mesmo sem documentos ou carteira de plano de saúde, o rapaz foi levado ao setor de emergência do Bandeirantes, pois seu estado era muito grave. O jovem, segundo os médicos, parece ter sido vítima de espancamento. Ele sofreu traumatismo craniano grave e passou por drenagem de hematoma. Até a noite de terça, o paciente estava em coma induzido e respirava com ajuda de aparelhos.

Agencia Estado,

21 de março de 2007 | 12h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.