Jovem mata filho de um mês na Bahia

Por causa do choro do bebê, que não a deixava dormir, a jovem D.F.T, de apenas 16 anos, esganou seu bebê de um mês e 20 dias na noite de domingo, 22, e acabou provocandosua morte. A adolescente foi denunciada por médicos do Hospital João Batista Caribé, no bairro de Paripe, para onde a avó do bebê morto, Elza Nascimento dos Santos, o levou às 2 horas e lá foi constatado o óbito. "Acredito que o bebê já deu entrada morto, daí osmédicos procurarem a polícia para denunciar o esganamento",resume a delegada Olveranda Oliveira, da Delegacia para oAdolescente Infrator-DAI, que ouviu a jovem e confirmou asdeclarações: "Ela assumiu ter segurado o pescoço da criança até que esta se calasse e depois voltou a dormir", contou. A garota foi encaminhada, em companhia da mãe, aoMinistério Público, onde foi ouvida por uma psicóloga eencaminhada para exames médicos. "Ela chegou em estado de choque.Parece distante, abalada, e nós vamos aguardar o resultado dos exames ainda hoje, para decidir o que fazer", resume a Promotora da Infância Edna Sara Dias de Cerqueira, que deve decidir pela representação contra a menor infratora.

Agencia Estado,

23 de outubro de 2006 | 16h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.