Jovem morre ao tentar salvar namorada de estupro no Paraná

Casal seguia trilha quando pediu informações a um desconhecido, que se ofereceu para levá-los à praia

Solange Spigliatti, estadao.com.br

02 Fevereiro 2009 | 08h30

Um jovem de 22 anos morreu neste sábado, dia 31, ao tentar salvar a namorada de 23 anos de uma tentativa de estupro, em uma trilha do Morro do Boi, em Caiobá, no município de Matinhos, no Paraná.   Segundo informações do Corpo de Bombeiros, que foi acionado na manhã de domingo, pela família, o casal teria ido para o local na tarde de sábado para passar o final de semana no litoral com a família do rapaz.   Segundo informações da jovem, o casal encontrou um desconhecido na trilha, e ao ser perguntado sobre a Praia dos Amores se ofereceu para conduzi-los até lá.   Por volta das 17h30 do sábado, ao chegarem à praia, o desconhecido tentou abusar sexualmente da moça, dentro de uma gruta existente no local. O namorado reagiu e foi baleado no peito. Ela tentou fugir e levou dois tiros nas costas, um na região da coluna lombar e outro no lado direito das costas.   Segundo os bombeiros, o criminoso fugiu e voltou ao local mais tarde, por volta das 21 horas do mesmo dia, quando estuprou a moça que não tinha condições de se locomover devido aos tiros.   As equipes de resgate do Corpo de Bombeiros, juntamente com o pai do jovem que acompanhava as buscas, encontraram o casal por volta da 13h30 de domingo, 1º.   Uma embarcação do Corpo de Bombeiros foi utilizada para trazer a jovem até a Praia Mansa de Caiobá de onde seguiu em uma ambulância do SIATE até o quartel de bombeiros de Matinhos, sendo encaminhada na sequência de helicóptero até o Hospital Regional de Paranaguá. O corpo do rapaz foi encaminhado ao IML de Curitiba.

Mais conteúdo sobre:
trilhaMorro do Boiestupro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.