Jovem pega 14 anos por morte na Áustria

Um brasileiro foi condenado ontem a 14 anos de prisão pela morte de uma austríaca, da qual roubou 30 em 2007. Segundo o Tribunal de Graz, o brasileiro tinha 17 anos quando atacou a mulher, de 75, num bosque. Como ela se recusou a lhe dar a bolsa, o jovem a golpeou até a morte. Indagado sobre a crueldade, no tribunal, o jovem disse que foi criado em um bairro pobre do Rio. "Ninguém nunca teve piedade de mim."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.