Juiz apura pagamento para transferir preso

A Justiça vai apurar a denúncia publicada pelo Estado de que presos pagariam R$ 20 mil para serem transferidos para penitenciárias da Vara de Execução Criminal de Tupã, onde o juiz Gerdinaldo Quichaba Costa estaria livrando de penalidade usuários de drogas. O procedimento, que corre em segredo, foi aberto pelo próprio juiz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.