Juiz embriagado atropela e mata motociclista no Ceará

Apresentado ao delegado, motorista do carro foi liberado por sua prerrogativa de magistrado

Marcela Gonsalves, Central de Notícias

04 Abril 2011 | 15h59

SÃO PAULO - Um juiz de direito de Fortaleza se envolveu, na madrugada desta segunda-feira, 4, em um acidente na rodovia CE-040. Por volta das 3h25, o veículo que dirigia colidiu com uma motocicleta e a arrastou por cerca de 115 metros. A equipe do SAMU tentou socorrer o motociclista, mas ele não resistiu aos ferimentos.

 

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o teste de bafômetro feito com o juiz acusou 0,82% de álcool em seu sangue, o suficiente para aplicação de medida penal por embriaguez. Ele foi apresentado ao delegado, mas liberado logo depois por sua prerrogativa de juiz.

 

O delegado encaminhou os autos ao Tribunal de Justiça (TJ) para que o caso seja apurado. Em nota, o TJ do Ceará lamentou o episódio. Segundo o órgão, o magistrado se apresentou nesta manhã ao presidente do tribunal, que está adotando providências visando à instauração dos procedimentos legais cabíveis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.