Juiz multa Suplicy em R$ 53 mil por conduta vedada

O juiz auxiliar do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) multou em R$ 53.205,00 o candidato eleito ao senado federal Eduardo Matarazzo Suplicy (PT) por conduta vedada. De acordo com a representação, no dia 20 de setembro, o senador, ao se manifestar na tribuna do Senado Federal, com transmissão pelo Canal TV Senado, fez sua promoção pessoal.O fato é que, na condição de senador, Suplicy divulgou sua candidatura e o seu sítio na internet. Segundo a decisão, Suplicy, ?na condição privilegiada de Senador da República, valeu-se de serviço público de televisão, através da respectiva tribuna, que a tanto não se presta?. Cabe recurso ao TRE.Mais multasNa sessão plenária de hoje, os juízes ainda mantiveram várias multas aplicadas a candidatos pelos juízes auxiliares por propagandas irregulares. As propagandas irregulares consistiram em faixas em cavaletes fixos, bandeiras, banners e bicicletas em bens públicos, e ainda outdoors.Os candidatos multados foram:- Paulo Alexandre Pereira Barbosa (candidato a deputado estadual - PSDB), em R$ 6 mil por cavaletes fixos em Santos;- Antonio Delfim Netto (candidato a deputado federal - PMDB), em R$ 13 mil por cavaletes fixos em Santos e bicicletas em São Paulo;- Luiz Antonio Fleury Filho (candidato a deputado federal - PTB), em R$ 4 mil por cavaletes fixos em Itu;- Maria de Lourdes Salvador dos Santos Ginetti (candidata a deputada estadual - PDT), em R$ 8 mil por faixas e bandeiras em Americana;- Paulo Pereira da Silva (Paulinho da Força, candidato a deputado federal - PDT), em R$ 8 mil por cavaletes fixos em Mogi das Cruzes;- Mauro Luís Claudino de Araújo (candidato a deputado estadual - PSDB), em R$ 8 mil por cavaletes fixos em Mogi das Cruzes;- Aparecido Gomes (candidato a deputado estadual - PMN), em R$ 5.320,00 por outdoor em Serrana;Paulo Roberto Mansur (Beto Mansur, candidato a deputado federal - PP), em R$ 2 mil por banner em canteiro em Americana;- Hédio Silva Júnior (candidato a deputado federal - PFL), em R$ 15.961,50 mil por outdoor em São Paulo;- Luiz Eduardo Greenhalgh (candidato a deputado federal - PT), em R$ 8 mil por cavaletes fixos em São Paulo.Em todos os casos, cabem recursos ao TSE.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.