Juiz quer reabrir caso de Toninho do PT

CAMPINAS

, O Estado de S.Paulo

13 de setembro de 2010 | 00h00

Nove anos após o assassinato do prefeito de Campinas, Antônio da Costa Santos, o Toninho do PT, o juiz José Henrique Torres pediu a reabertura do caso à delegacia seccional de Campinas. O processo tramitou no Tribunal de Justiça de São Paulo por 18 meses e retornou ao Fórum de Campinas em agosto. Wanderson Nilton de Paula Lima, o Andinho, foi denunciado como coautor do crime, mas, segundo Torres, não há provas para levá-lo a júri. Andinho está preso, sentenciado a quase 500 anos por outros crimes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.