Juíza manda suspender distribuição de jornal em Marília (SP)

Às 2h48 da madrugada deste domingo, a juíza Jacqueline Paula Bredariol determinou a suspensão da distribuição de todos os exemplares do jornal Diário de Marília, no interior de São Paulo, que traz reportagem sobre representação da Procuradoria Regional da República em São Paulo contra os candidatos Abelardo Camarinha, Vinícius Camarinha e prefeito de Mário Bulgareli.A representação acusa os três de promover abuso do poder econômico, político e de autoridade com uso de servidores e equipamentos públicos para promover encontros de promoção eleitoral em dois encontros, um no dia 4 de julho no Sindicato dos Bancários e outro no dia 18 de setembro, no Clube dos Bancários de Marília. O jornal foi notificado da decisão às 4h09.A ordem judicial determinou a suspensão da circulação até que fosse retirada a matéria e alterada a manchete do jornal, o que só pode ser feito no começo da manhã deste domingo. A decisão também determinou censura na divulgação de informações pela internet.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.