Juizado atingido por incêndio retoma atividades em SP

O expediente externo do Juizado Especial Federal de São Paulo (JEF/SP), que foi suspenso após um incêndio no 11º andar do prédio na terça-feira, voltou ao normal nesta segunda-feira. De acordo com o Juizado, as audiências marcadas entre 9 e 12 de janeiro terão prioridade.A Justiça telefonará ou enviará telegramas para confirmar uma nova data para as audiências. O laudo sobre as causas do incêndio no prédio, que fica na Avenida Paulista, região central de São Paulo, ainda não foi concluído.Segundo reportagem do JT, a presidente do JEF, Marisa Cucio, pede que apenas compareçam ?as pessoas que realmente precisem? de atendimento. ?Caso contrário, deixem para outros dias?, recomenda ela. A justificativa é evitar possíveis tumultos com o acúmulo de público. O JEF atende principalmente aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que entram com processos de revisão de seus benefícios. Atualmente, tramitam no JEF cerca de 800 mil ações, sendo 90% delas relacionados ao INSS. Com a paralisação da semana passada, aproximadamente três mil pessoas deixaram de ser atendidas. A pausa forçada também impediu o ingresso de 900 ações. Todas as audiências marcadas foram canceladas. As novas datas serão informadas por telefone ou telegrama, segundo Marisa. Ela informou que o JEF não guarda documentos em papel, tudo é arquivado de forma eletrônica, por isso não houve perda de dados. Além disso, as informações de todas as máquinas são armazenadas em computadores que ficam no primeiro andar e no segundo subsolo do edifício, locais que não foram atingidos pelo fogo. O incêndio ocorreu apenas um dia após os funcionários do JEF voltarem do recesso de fim de ano, que durou 20 dias. Por conta das paralisações, as demandas de processos devem aumentar consideravelmente. Para amenizar o problema, Marisa pretende organizar mutirões de atendimento. ?E os juízes estão rearranjando as agendas e encaixando o maior número de audiências para as próximas semanas.? Funcionamento do TribunalProcessos: O Juizado Especial Federal trata principalmente de processos de revisão de aposentadoria. As audiências foram suspensas e os envolvidos serão contactados por telefone ou telegrama.Normalização: Para normalizar a situação, o Juizado organizará um mutirão de atendimento. Os juízes também estão reorganizando suas agendas para encaixar o maior número possível de audiências nas próximas semanas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.