Juízes cobram segurança do governo

O presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Paulo Sérgio Domingues, cobrou nesta segunda-feira do governo medidas práticas para garantir a segurança dos juízes criminais."Apenas colocar seguranças para escoltá-los não vai resolver o problema, embora, neste momento,tenha se tornado uma medida imprescindível", declarou.Segundo ele, é preciso descobrir onde estão infiltrados os criminosos nos órgãos públicos e governos. Ele cobrou o aperfeiçoamento do sistema de inteligência da polícia e providências práticas do governo."Onde estão os assassinos do juiz AntonioJosé Machado Dias, executado semana passada em Presidente Prudente? Espero que não tenhamos de cobrar a mesma coisa daqui a dez ou quinze dias, com o assassinato de outro juiz."Domingues disse ainda que o Congresso precisa fazer a sua parte, aprovando o pacote de Segurança Pública. "(O pacote) está lá, parado há um ano, desde a morte do prefeito de Santo André, Celso Daniel."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.