Julgamento de ex-promotor é adiado

O julgamento do ex-promotor Thales Ferri Schoedl, que matou um jovem e feriu outro em Bertioga, em 2004, foi adiado ontem pelo Órgão Especial do Tribunal de Justiça. Não há previsão de uma nova data para a realização do julgamento. Os desembargadores querem analisar melhor a exoneração de Schoedl, informada oficialmente na terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.