Juros por Deus!

Se a reunião do Copom de ontem à noite fosse no Morumbi, a torcida pela queda dos juros teria superado a do Corinthians, no Pacaembu. O clichê econômico mais popular do Brasil mobiliza multidões apaixonadas nos momentos mais agudos da crise financeira. A razão é muito simples: ninguém precisa entender nada do assunto para simpatizar minimamente com a ideia da queda de juros. O troço é instintivo!Na falta do que dizer, qualquer alfinetada na taxa Selic não te deixa fazer feio em nenhuma roda de entendidos. E tente mudar logo de conversa antes que venha a rodada de prognósticos sobre o comportamento do PIB neste primeiro trimestre. Ainda traumatizado com o noticiário dos últimos dias, o povo precisa tomar muito cuidado para não sair por aí repetindo as besteiras que ouve dos economistas. Se lamentar a falta de ousadia no corte da taxa básica, aí não tem erro! Até porque quem erra sempre nesses casos é o Banco Central. Repara só! MAIS LUZNenhum economista sério sabe explicar o fenômeno, mas o fato é que a queda do PIB fez bem aos cabelos de Miriam Leitão. O penteado da jornalista contrastava com as preocupações cabeludas que expôs no Bom Dia Brasil (TV Globo) de ontem.COMIGO NÃO!"Isso nunca me aconteceu!"Ziraldo, comentando o vexame do PIBPiratas do carambaNão há nada particularmente errado na folha de pagamento de janeiro dos servidores do Congresso. O problema, ao que tudo indica, foi que piratearam a hora extra durante o recesso. E ninguém sabe mais qual é a falsa ou a verdadeira.Páreo duroDona Marisa Letícia não ficou nada a dever a Camilla Parker Bowles no encontro de Lula com o príncipe Charles em Brasília. Essas coisas a oposição não vê! Ô, raça! Jesus está entre nós! O namorado de Madonna teria dito a amigos que decidiu voltar ao Brasil depois daquela festa a fantasia no centro de Cabala de Nova York. Ninguém merece!Gatas de livrariaAté o fechamento desta coluna não foi possível apurar a cor dos cabelos das duas mulheres presas ontem em Curitiba, sob acusação de roubo de best-sellers em série. Parece que o alarme tocou quando as câmeras de segurança flagraram duas louras entrando na livraria.Pó de arrozO que faz o maquiador de Dilma Rousseff que não corrige o brilho do reflexo dos holofotes da TV no rosto da ministra. O cara está ali pra isso, né não?!Depois daquele PIB...A oposição precisa ter um pouco de paciência. Lula já está quase admitindo que, de fato, trata-se de uma mega marolinha!

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.