Justiça acata denúncia de achaque contra PMs

A Justiça aceitou o pedido de prisão temporária contra o sargento Jeferson Luiz Antonio Claro Fausto e o soldado Ednaldo Mariano, que trabalham na região de Perus, na zona oeste de São Paulo. Os dois, que estavam detidos na carceragem da Corregedoria da PM, são acusados de fazer parte de um esquema de extorsão chefiado por policiais. Quatro pessoas foram presas na terça-feira, numa ação em que houve troca de tiros e um homem que se passava por policial foi baleado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.