Justiça bloqueia bens e afasta policiais

A Justiça de Peruíbe, no litoral paulista, determinou o afastamento do serviço público e a indisponibilidade dos bens (até R$ 150 mil) do delegado Marcelo Teixeira Lima e de cinco investigadores do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic) acusados de sequestrar, achacar e roubar um traficante ligado ao PCC. O advogado de Lima, Daniel Bialski, recorreu da decisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.