Justiça condena envolvidos em atentado a Fórum

Dois dos quatro envolvidos no atentado ao Fórum de São Vicente, em fevereiro do ano passado, foram condenados a mais de 40 anos de prisão. Os réus Marcelo Calixto Costa e Sérgio Luiz Fidelis foram os primeiros a serem julgados no processo que envolveu também a morte do estagiário de Direito Antônio José da Silva, de 35 anos, e causou ferimentos no vigilante José Ailton Berezza de Lima, 39 anos.O julgamento foi desmembrado pela juíza Débora Faitarone Pereira e a primeira etapa dos trabalhos foi concluída ontem à noite. Os outros dois acusados, Luciano Costa Santos e Willians Ribeiro Monteiro deverão enfrentar o Tribunal do Júri, em São Vicente, a partir de outubro.Marcelo Costa e Sérgio Fidelis responderam pelos crimes de homicídio qualificado, tentativa de homicídio qualificado, tentativa de explosão em edifício público e tentativa de resgate qualificado. Eles foram acusados de invadir o saguão do Fórum no dia 19 de fevereiro de 2002, matar a tiros um estagiário de Direito, balear um vigilante do Poder Judiciário e ainda arremessar uma granada no prédio. O atentado só não teve proporções maiores porque o artefato não explodiu. O crime, na época, foi atribuído ao PCC. Logo após o ataque, foi apreendida uma faixa nas imediações do Fórum na qual a facção criminosa assumia a autoria dos fatos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.