Justiça condena juiz que atropelou e matou adolescente

O Tribunal de Justiça de Alagoas condenou a dois anos e nove meses de prisão o juiz Jesus Wilson Rafael da Silva, por ter atropelado e matado, em 16 de dezembro de 2001, a estudante Juliana Silva de Souza, de 15 anos. A punição foi convertida em pena alternativa e multa de 64 salários mínimos, divididos em 32 meses. Silva teve ainda a carteira de habilitação suspensa por seis meses.De acordo com testemunhas, quando foi atropelada, a estudante estava na calçada no bairro de Cruz das Almas, em Maceió. O julgamento ocorreu na noite de ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.