Justiça determina que 7 ex-chefes de gestão de Palocci devolvam salários

RIBEIRÃO PRETO

, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2010 | 00h00

Uma decisão do Tribunal de Justiça determina que sete ex-chefes da antiga Centrais Telefônicas de Ribeirão Preto (Ceterp), na primeira gestão do então prefeito Antônio Palocci (PT), em 1995, devem devolver salários pagos indevidamente.Os salários teriam superado o que a prefeitura pagava a seus secretários públicos, o que é proibido. Na época, a Ceterp era uma empresa pública e virou de economia mista em 29 de novembro daquele ano ? no fim de 1999 foi totalmente privatizada e hoje pertence à Telefônica. A ação civil pública por improbidade administrativa, movida pelo Ministério Público Estadual, pede devolução da diferença de salários referentes ao período entre janeiro e novembro. Os advogados de defesa vão recorrer. As quantias (não informadas no acórdão do TJ) deverão ter atualizações monetárias, acrescidas de juros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.