Justiça dos EUA nega liberdade a brasileiros presos em Miami

A Justiça dos Estados Unidos decidiu não permitir que dois brasileiros, presos depois de fazer uma brincadeira com um agente de segurança do aeroporto de Miami, acompanhassem em liberdade o processo que estão enfrentando.Mizael Cabral, de 29 anos, e Daniel Correa, de 27, foram presos no dia 26 de outubro, quando tentavam embarcar para o Brasil. Os dois teriam dito ao agente que levavam uma bomba na bagagem.Cabral e Correa compareceram nesta quarta-feira a uma audiência do processo contra eles. Segundo o cônsul-adjunto do Brasil em Miami, Rui Vasconcelos, a expectativa era de que a Justiça americana permitisse que eles acompanhassem o processo em prisão domiciliar, sem sair do país.?Na última hora, isso acabou não sendo autorizado porque descobriram que havia uma ordem de detenção por parte das autoridades migratórias americanas?, disse Vasconcelos à BBC Brasil.O cônsul-adjunto explicou que os brasileiros, que estão sendo representados por advogados americanos no caso, agora devem ser transferidos para outro centro de detenção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.