Justiça relaxa prisão de internos da Febem de Ribeirão

Trinta e sete internos da Fundação para o Bem-Estar do Menor de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, tiveram o relaxamento da prisão concedido pela Justiça de Ribeirão Preto. Eles haviam sido transferidos na última sexta-feira para a cadeia de Avaré, após duas rebeliões ocorridas na Unidade de Ribeirão.Os internos, maiores de idade, foram autuados por formação de quadrilha, danos ao patrimônio público e cárcere privado, entre outros crimes. Segundo o site da EPTV, o pedido de relaxamento da prisão foi aceito pela Justiça de Ribeirão, por considerar que houve irregularidades na prisão e o alvará de soltura dos 37 internos foi enviado na própria terça-feira para Avaré. A previsão é que os menores retornem nesta quarta-feira a Ribeirão Preto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.