Justiça tira filme de Mercadante do ar

SÃO PAULO

, O Estadao de S.Paulo

17 de março de 2010 | 00h00

Depois de tirar do ar inserções do PT de São Paulo protagonizadas pelo presidente Lula e pela ministra Dilma Rousseff, a Justiça Eleitoral suspendeu também a veiculação de filme estrelado pelo senador Aloizio Mercadante (SP). No vídeo, que foi ao ar na segunda, o senador fazia uma série de elogios ao governo Lula e concluía: "Você não acha que, depois de tanto tempo, já é hora de São Paulo dar ao PT a chance de governar todos os paulistas?" Para o corregedor eleitoral, o filme "ultrapassa os limites" da lei que rege a propaganda partidária.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.