Ladrão erra o tiro e mata cúmplice em assalto

Um ladrão matou o próprio comparsa, por engano, num assalto em Caçapava, no Vale do Paraíba. Dois ladrões abordaram uma caminhonete estacionada, por volta das 20h30 de ontem, na Rua Nações Unidas. Havia um casal no interior do veículo. No momento da abordagem, o casal, cujos nomes foram mantidos em sigilo pela polícia, ficou assustado e não reagiu. Ao perceberem que um dos ladrões sacava uma arma, o motorista e a acompanhante abaixaram-se. O tiro foi dado e varou as janelas do veículo, atingindo o ladrão que, do outro lado do carro, auxiliava no assalto. Eduardo Segura, de 28 anos, morreu na hora. O outro assaltante fugiu sem deixar pistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.