Ladrão mata taxista, tenta assaltar policial e é morto

Ao reagir a tentativa de assalto, na avenida Roque Petrônio Junior, no Brooklin, na noite de domingo, o motorista de taxi Antônio Rosseti Pereira da Silva, de 47 anos, foi atingido por três tiros disparados pelo ladrão. O marginal fugiu a pé e abordou outro motorista, que conseguiu escapar com o veículo, antes que ele disparasse. Na terceira tentativa de roubo, o marginal deparou-se com um policial civil. Houve tiroteio e o ladrão foi baleado. Morreu ao dar entrada no PS do Jabaquara. O taxista também morreu, quando era socorrido na Santa Casa de Misericórdia de Santo Amaro.Era por volta de 20h30, quando o taxista foi baleado, próximo ao Morumbi Shopping. Todas as ações que se seguiram aconteceram em poucos minutos e ocorreram diante de várias testemunhas. O ladrão, cuja identidade não foi revelada pela polícia, teria agido sozinho, sem o apoio de comparsas. A autoridade de plantão no 96º DP - Monções instaurou inquérito e vai ouvir tanto os envolvidos, quando as testemunhas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.