Ladrões assaltam casa de diplomata americano no Rio

Quatro homens armados invadiram a casa do diplomata americano aposentado Thomas Allan Rebarick, de 63 anos, em Vargem Pequena, zona oeste, na noite de domingo. O diplomata, a mulher dele, Jacira Pimentel Rebarick, de 39, e dois amigos da família foram amarrados, mas não ficaram feridos. Os ladrões fugiram no Astra de Rebarick, levando jóias, eletrodomésticos, celulares, roupas e uma quantia não revelada de dinheiro.A polícia informou que o assalto começou às 22 horas e terminou à meia-noite. O caso foi registrado na 16.ª Delegacia Policial (Bara da Tijuca). O boletim de ocorrência registra que Rebarick foi abordado quando ia estacionar o carro, parado diante da casa da família, na garagem. Jacira percebeu a movimentação e foi até a varanda da casa. Neste momento, um dos criminosos pulou o muro e a ameaçou de morte. As vítimas foram levadas para o quarto do casal e tiveram os pés e as mãos amarrados com fita adesiva.No início da tarde, a polícia informou ter encontrado o Astra do diplomata. Entre os pertences roubados estão as alianças do casal, três pares de brincos de diamantes, dez pulseiras de marfim, um cordão de ouro, um aparelho de DVD e uma câmeradigital. Os Rebarick ajudaram os policiais a fazer o retrato falado de dois dos quatro ladrões, mas eles ainda não haviam sido identificados até o início da noite de ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.