Ladrões levam holofotes de futuro memorial

O local da tragédia com o Airbus da TAM, na Avenida Washington Luís, na zona sul, está às escuras. Há 15 dias, foram furtados os dois holofotes que iluminavam o terreno, onde será construído um memorial. A Subprefeitura de Santo Amaro e a Associação dos Familiares das Vítimas da TAM (Afavitam) estudam a reposição dos equipamentos. Um deles iluminava a Bandeira do Brasil e o outro, uma árvore que não foi destruída pelo acidente. "Aquele local para nós é sagrado", disse o presidente da Afavitam, Dário Scott. "O respeito pela dor está a zero."

O Estadao de S.Paulo

28 Agosto 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.