Ladrões morrem em tiroteio com polícia em Guarulhos

Três ladrões da carro foram mortos por policiais da Força Tática do 15º Batalhão durante um troca de tiros, por volta da 1h30 desta madrugada, na região central de Guarulhos, na grande São Paulo. Armados com uma pistola 380 e dois revólveres calibre 38, o trio rendeu o comerciante Rui Rodrigues da Silva, 37, no semáforo da Avenida Presidente Humberto de Alencar Castelo Branco com a Avenida Guarulhos, na Vila Pedro Moreira.Os bandidos entraram na picape Silverado prata da vítima e obrigaram-na a seguir com eles em direção à Rodovia Presidente Dutra. Após roubarem documentos e outros pertences de Rui, os ladrões liberaram o comeciante, mas acabaram cruzando com uma viatura da Polícia Militar que já havia sido notificada do roubo.A abordagem seguida de troca de tiros ocorreu na Rua Genaro Vigorito, via paralela à rodovia. Adriano dos Reis Nogueira, 20, com o qual foi localizado um alvará de soltura, e os dois comparsas dele, que não portavam documentos, foram baleados e morreram. Um dos policiais, o sargento Édson Onofre, foi atingido por um tiro no tórax, mas acabou salvo pelo colete à prova de balas que vestia.

Agencia Estado,

28 de outubro de 2001 | 08h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.