Ladrões usavam crachá da Telefônica

A Polícia Civil prendeu dois homens e deteve um adolescente, acusados de fazer parte de uma quadrilha que usava uniforme e crachá da Telefônica para furtar e roubar estrangeiros em condomínios da zona leste da capital. A maioria dos crimes ocorreu nos bairros do Tatuapé, Mooca e Belenzinho. Outros sete criminosos são procurados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.