Laranjas são donos de empresa que seria ligada a Jucá

Empresa que teria sido beneficiada pelo ex-diretor da Conab Oscar Jucá Neto, irmão do líder do governo no Senado, Romero Jucá, está em nome de laranjas, segundo a revista Veja. A Renascença obteve irregularmente R$ 8 mi da Conab, por ordem de Neto, que deixou o cargo na quinta. A assessoria de Jucá disse que ele não foi localizado. A revista traz dados de fiscalização do TCU em 142.524 contratos do governo (2006 a 2010). Em 80 mil, há indícios de fraudes, incluindo contratos com empresas de políticos.

, O Estado de S.Paulo

24 Julho 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.