Leilão de concessão do trem-bala deve ocorrer em julho

Diretor-geral da ANTT disse que edital deve sair em maio e as obras começarão no início de 2010

Leonardo Goy, Agência Estado

26 de novembro de 2008 | 20h15

O diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo, disse na tarde desta quarta-feira, 26, que o leilão de concessão do projeto do trem-bala que ligará o Rio de Janeiro a São Paulo e Campinas deverá ocorrer em julho ou agosto do ano que vem. O edital, segundo ele, deverá sair em maio. Veja também:Investir no trem-bala deve ser prioridade para o País?   Figueiredo explicou que a intenção do governo é de que a obra comece em 2010. Segundo o diretor da ANTT, pelo menos três grandes grupos internacionais estão interessados no projeto do trem-bala brasileiro: a coreana Hyundai, a francesa Alston e a japonesa Mitsui. Figueiredo disse que o projeto deverá ter também participação pública, mas ele não sabe ainda se será no modelo típico de parceria Público-Privada. "Ainda não está modelado. Mas, dificilmente um projeto como esse se banca sozinho", disse, em entrevista durante o 1º Simpósio de Infra-estrutura e Logística do Brasil: Desafios para um País Emergente, no Senado. Figueiredo disse que o governo pretende realizar em março do ano que vem os leilões de concessão do trecho sul da Ferrovia Norte-sul (de Palmas, em Tocantins, até Santa Fé do Sul, em São Paulo) e também da interligação oeste-leste, que ligará a Norte-sul a Ilhéus, na Bahia.

Mais conteúdo sobre:
trem-balaTAVANTT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.