Lembo se reúne com Alckmin para falar da crise na segurança

O governador Cláudio Lembo e o ex-governador Geraldo Alckmin tiveram um encontro reservado nesta quinta-feira, 13, no Palácio dos Bandeirantes, onde conversaram sobre questões político-administrativas das áreas da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Estado. Nota oficial divulgada no site do governo paulista, diz o seguinte sobre o encontro: "O ex-governador veio ao Palácio dos Bandeirantes para manifestar confiança no trabalho realizado pelo governador Lembo e também pelos secretários da Segurança Pública e da Administração Penitenciária e Polícia paulista". Alckmin seguiria para Brasília, onde por volta das 15 horas tem uma entrevista marcada no gabinete do senador Tasso Jereissati.Ontem, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou a resistência do governo de São Paulo em aceitar a oferta federal de uso da Força Nacional de Segurança e do Exército. Lula classificou a situação do Estado de grave e fora de controle, cobrou atitude dos governantes paulistas e afirmou que a oferta será repetida pelo ministro Thomaz Bastos. Em resposta, Lembo disse que o reforço policial não é oportuno nem necessário, pois o efetivo de segurança paulista é o maior e mais bem equipado entre os Estados da Federação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.