Leõezinhos nascem no Horto Municipal de São Vicente

Dois leõezinhos nasceram no Horto Municipal de São Vicente, no Litoral de São Paulo, às 5h30 desta quarta-feira. Os pais - Nagan, de 9 anos, e Kiara, de 3 anos e meio - cuidam dos filhotes. O acontecimento é considerado uma vitória por funcionários, dado o alto nível de rejeição, por parte dos pais, das crias geradas em cativeiro. Biólogos e veterinários, neste momento, monitoram a família, procurando não interferir na convivência dos animais.Funcionários do Horto acompanharam todo o processo de gestação, que durou quase 120 dias. O parto ocorreu sem complicações durante a madrugada. A grande preocupação agora é não perturbar os leões para evitar a rejeição. Por esse motivo, ainda não foi possível verificar o peso e tamanho exato dos filhotes. Por enquanto, o público pode observá-los somente à distância. Durante os próximos seis meses, os animaizinhos só se alimentarão do leite materno. Agora, o Horto de São Vicente, conta com cinco leões: o mais velho, Nagan, o leão-papai; a mamãe, Kiara, que chegou ao Horto em janeiro deste ano após ter sido apreendida, pelo Ibama, em um sítio da região onde era criada como um animal de estimação; Natan, que fará dois anos em maio de 2007, filho de Nagan com a fêmea Noala, e os filhotes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.