Letreiros de ônibus serão padronizados em agosto em todo País

Além de letras maiores, placas terão a mesma cor de fundo e fonte; objetivo é facilitar visualização

Priscila Trindade, da Central de Notícias

28 de maio de 2010 | 16h13

SÃO PAULO - Os letreiros dos ônibus municipais e intermunicipais de todo o Brasil, fabricados entre os anos de 2002 e 2008, deverão estar padronizados em 1º de agosto deste ano. As normas elaboradas pela Associação Brasileira das Normas Técnicas (ABNT) irão facilitar a visualização e a legibilidade das informações por parte dos passageiros.

 

Além de letras maiores, os letreiros passarão a ter a mesma cor de fundo. Nos letreiros de tecido, as letras deverão apresentar a cor amarelo-limão (ou verde-limão) e os letreiros eletrônicos devem apresentar a cor amarelo âmbar ou branco sobre o fundo preto.

 

Segundo o consultor Eduardo Cazoto Belopede, que coordenou a elaboração da norma, os ônibus fabricados a partir de outubro de 2008 já passaram a atender as regras e, portanto, não precisarão ter os letreiros modificados.

 

De acordo com a SPTrans, 95% da frota de São Paulo - hoje com 15 mil ônibus - está dentro das normas da ABNT. O órgão informou que "os outros 5% serão readequados dentro do prazo previsto em lei."

Tudo o que sabemos sobre:
ônibus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.