Lula acompanha acidente aéreo em reunião no Planalto

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva está reunido com quatro ministros no Palácio do Planalto para acompanhar os desdobramentos do acidente com o avião da TAM ocorrido no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. O comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, que sobrevoava a cidade de São José dos Campos, a cerca de 100 quilômetros de São Paulo, chegou à capital paulista, de onde ficará em contato permanente com o presidente para prestar informações sobre o acidente. A assessoria de Lula informou que o presidente cancelou sua agenda de quarta-feira para ficar disponível para acompanhar o assunto. O Airbus A320 da TAM não conseguiu completar a aterrissagem em Congonhas, se desgovernou, atravessou uma avenida em frente à cabeceira da pista e se chocou com um posto de gasolina e dois prédios da própria companhia. O Airbus, que fazia um vôo com origem em Porto Alegre, tinha 176 pessoas a bordo, segundo a empresa. Participam da reunião de emergência no Planalto, que começou pouco depois das 20h, os ministros Waldir Pires (Defesa), Walfrido dos Mares Guia (Relações Institucionais), Dilma Rousseff (Casa Civil) e Franklin Martins (Comunicação Social). O presidente da Argentina, Néstor Kirchner, ligou nesta noite para o presidente Lula para transmitir solidariedade. (Por Natuza Nery e Isabel Versiani)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.