Lula anuncia R$ 1,4 bi para saneamento

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou nesta terça-feira aos prefeitos que vai destinar neste ano, através da Caixa Econômica Federal, R$ 1,4 bilhão de recursos do FGTS para obras de saneamento básico e infra-estrutura em todo o país. O valor é quase três vezes maior do que o reservado no ano passado, mas sua aplicação efetivadepende da adoção de medidas que o presidente da Caixa, Jorge Mattoso, ainda está estudando para facilitar os empréstimos ao setor privado e público. Até 1998, o governo investia mais de R$ 1 bilhão por ano em saneamento, mas a necessidade de ampliar o superávit primário engessaram os empréstimo e recursos. A consequência foi que entre 1999 e 2001 foram financiados apenas R$ 18,9 milhões ao todo. No ano passado, a Caixa tentou recuperar o terreno, reservando R$ 536,3 milhões do FGTS para esse tipo de investimento, mas apenas R$ 270,8 milhões foram contratados e pouco mais de R$ 19 milhões efetivamente gastos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.