Lula autoriza antecipação de benefícios para vítimas de enchentes no NE

Cerca de 100 mil residentes dos 27 munícipios de AL e PE atingidos pelas chuvas terão adiantamento de pensões, aposentadorias e outros pagamentos

Tânia Monteiro, da Agência Estado

28 de junho de 2010 | 20h34

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acaba de assinar decreto permitindo a antecipação do pagamento de benefícios previdenciários a cerca de 100 mil pessoas que moram nos 27 municípios atingidos pelas enchentes em Pernambuco e Alagoas. A informação foi prestada pelo ministro da Previdência, Carlos Eduardo Gabas.

 

Veja também:

linkChega a 20 número de mortos pela chuva em PE; Nordeste tem 54 vítimas

linkSaiba onde fazer doações para as vítimas

linkNordestinos de SP criam rede de ajuda

mais imagens A tragédia do Nordeste, em imagens

 

Segundo o ministro, todas as pessoas que recebem pensão, aposentadoria e outros benefícios continuados, como pagamentos para idosos e deficientes, podem pedir não só a antecipação do pagamento que será feito até dia 5 de julho como também a antecipação do valor referente a um outro mês.Esse valor do mês extra vai ser descontado em 24 parcelas. Sendo assim, no dia 5 agosto, terá início o desconto de 1,24 avos desse benefício a mais.

 

O valor dessa antecipação custará ao governo R$ 50 milhões, segundo o ministro.

 

Gabas explicou ainda que, embora a liberação já tenha sido feita, não adianta as pessoas irem às agências do INSS amanhã, até porque muitas foram destruídas. "A convocação dos trabalhadores será feita, no mais curto prazo possível, pelas emissoras de rádio e pelos bancos".

 

Para ter a liberação desse pagamento antecipado, o trabalhador deverá assinar um termo de adesão, a ser apresentado na hora do atendimento pela agência do INSS ou pelo o banco onde recebe o benefício.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.