Lula e Cabral discutirão recursos para Angra na próxima quarta

Na reunião deverá ser fechado o valor dos recursos emergenciais para o Rio, através de medida provisória

Luciana Nunes Leal, de O Estado de S. Paulo,

06 Janeiro 2010 | 15h37

A edição de uma medida provisória que destinará recursos para obras de reconstrução e prevenção em Angra dos Reis e na Baixada Fluminense será discutida na próxima quarta-feira durante reunião do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o governador Sérgio Cabral (PMDB), em Brasília. Em anos anteriores, foram editadas MPs para socorro a Estados do Norte e Nordeste atingidos por enchentes e também para Santa Catarina, depois da tragédia ocorrida em novembro de 2008.

 

Veja também:

linkRio suspende decreto que autorizava construções em Angra

lista Leia a cobertura completa da tragédia em Angra dos Reis

 

Na reunião deverá ser fechado o valor dos recursos emergenciais para o Rio de Janeiro. Até lá, segundo o vice-governador, Luiz Fernando Pezão, os prefeitos das cidades que receberão verbas vão encaminhar estimativas de custos das obras. A expectativa do governo estadual é a de que Angra receba em torno de R$ 211 milhões, e a Baixada Fluminense, pelo menos R$ 511 milhões.

 

Também na quarta-feira, o presidente receberá os prefeitos de cidades que serão sede de jogos da Copa 2014 e, em seguida, vai discutir a Olimpíada de 2016 com Cabral e com o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB).

Mais conteúdo sobre:
Angra dos Reischuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.