Lula e Jobim definem nome para presidência da Infraero

Sérgio Gaudenzi, presidente da Agência Espacial Brasileira, é um dos nomes cotados para o cargo na estatal

Leonêncio Nossa, do Estadão,

01 de agosto de 2007 | 15h04

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve se reunir na tarde desta quarta-feira, 1º, com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, para discutir o nome do novo presidente da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Um dos cotados é Sérgio Gaudenzi, presidente da Agência Espacial Brasileira e membro do PSB. Jobim, segundo fontes do Planalto, também deve apresentar outros nomes para o presidente.   Leia os últimos diálogos dos pilotos no Airbus   Caixa-preta aponta que piloto não conseguiu desacelerar Airbus Brigadeiro diz que caixa-preta revela um 'filme de terror' CPI quer inquérito sobre vazamento de dados da caixa-preta Quem são as vítimas do vôo 3054  Galeria de fotos  Opine: o que deve ser feito com Congonhas?  Cronologia da crise aérea  Vídeos do acidente  Tudo sobre o acidente do vôo 3054  A permanência de José Carlos Pereira na presidência da estatal ficou insustentável após o acidente com o vôo 3054 da TAM, quando, no dia 17 de julho, um Airbus da empresa caiu no Aeroporto de Congonhas após uma tentativa frustrada de pouso. Na segunda-feira, 30, o governo anunciou que Pereira sairia do cargo e que um novo presidente seria escolhido para a estatal. A confirmação da saída de Pereira foi dada na reunião da Coordenação Política, no Palácio do Planalto. Na segunda, Jobim antecipou que o ex-presidente do Banco do Brasil, Rossano Maranhão, não poderá assumir a presidência da estatal. Maranhão não poderá assumir a Infraero porque há impedimentos, segundo o ministro. Apesar disso, ele poderia ajudar no conselho administrativo da estatal.

Tudo o que sabemos sobre:
crise aéreaNelson JobimInfraero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.