Madrugada desta terça pode ser a mais fria do ano, em RS

A forte massa de ar polar que atua na Região Sul deve provocar mínima de 5 graus negativos nesta terça-feira, 5, no Rio Grande do Sul, segundo previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Em seu boletim, o 8º Distrito de Meteorologia, órgão do Inmet, prevê temperatura máxima de 17 graus. A mínima desta segunda-feira, entre as 24 estações do Inmet no Estado, foi registrada em Bom Jesus, no nordeste gaúcho, com 1,5 grau centígrado negativo. A máxima foi de 15,6 graus em Torres, no litoral. O coordenador do 8º Distrito, Solismar Prestes, lembrou, no entanto, que o frio não é incomum em setembro. Em Cambará do Sul nevou. Neste ano, a mínima registrada pelo 8º Distrito foi de 4,6 graus negativos em Cambará do Sul, no dia 31 de julho. A umidade associada a uma frente fria também provocou precipitação de gelo no Estado.Na Região Sul, o 8º Distrito registrou mínimas de 3 graus negativos em São Joaquim (SC) e 1 grau positivo em Irati (PR), nesta segunda-feira. Houve geada considerada forte em Passo Fundo (RS) e moderada em Ivaí (PR), Campos Novos (SC), Lages (SC), São Joaquim (SC), Chapecó (SC), Cruz Alta (RS), Lagoa Vermelha (RS), Ibirubá (RS) e Encruzilhada do Sul (RS).Em, SP tempo melhor apenas 5ªPara São Paulo, a previsão é de que o sol reapareça, nesta terça-feira, entre muitas nuvens. Mas, a madrugada será bem fria, com mínima de 8 graus e máxima de 19, já na tarde. De acordo com o meteorologista Marcelo Pinheiro, da Climatempo, no final da tarde de quarta-feira, 6, as temperaturas voltam a cair e a noite será ainda mais fria, podendo chegar aos 7 graus. Tempo bom apenas de quinta-feira em diante, quando o sol reaparece forte e o ar seco predomina.Uma forte massa de ar polar que vem da Região Sul é responsável pela queda das temperaturas. A umidade que o vento traz do mar deixa o céu com muitas nuvens no litoral de São Paulo, no Rio de Janeiro e na Zona da Mata mineira. A temperatura cai também nestas áreas. Em Mato Grosso do Sul, a entrada do ar polar provoca rajadas de vento de até 67 km/h. No Nordeste, o ar seco predomina. No norte do Maranhão, na Região Norte e nos Estados de Mato Grosso e Goiás, sol e muitas nuvens, com pancadas de chuva a partir da tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.