Madrugada paulistana tem segunda menor temperatura do ano

Equipes da Defesa Civil e da Secretaria de Assistência Social de São Paulo recolheram 11 moradores de rua em toda a capital paulista entre a noite de terça e o início da madrugada desta quarta-feira. A temperatura mínima registrada pelos termômetros na cidade de São Paulo foi de 15º C, entre 5h e 5h30 da manhã, segundo o Serviço Regional de Proteção ao Vôo (SRPV), ligado ao Aeroporto de Congonhas, na zona sul da cidade.Essa não foi a temperatura mais baixa do ano. A temperatura mínima na capital já chegou a 14º C. Das 36 pessoas abordadas pelas equipes da prefeitura nestas últimas horas, apenas 11 aceitaram ser recolhidas para albergues, onde passam a noite e depois, pela manhã, são liberadas. Segundo a Secretaria de Assistência Social da Prefeitura, o município possui 16 albergues conveniados à gestão municipal que fazem exclusivamente esse serviço de abrigo noturno. Diante da negativa destas pessoas em serem recolhidas, os assistentes sociais não podem fazer nada já que ninguém é levado à força.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.