Mãe abandona filhos em Camboriú porque passavam fome

Menino, de 2 anos, e menina, de 3, foram deixados em bairro violento, ao lado de um carrinho de bebê, duas malinhas e um bilhete

Aline Torres, Especial para O Estado

06 Janeiro 2017 | 10h47

FLORIANÓPOLIS - Uma mãe abandonou os dois filhos no bairro de Monte Alegre, uma das regiões mais violentas de Santa Catarina, em Camboriú, na manhã desta quinta-feira, 5. O menino, de 2 anos, e a menina, de 3, foram deixados ao lado de um bilhete com caligrafia rasurada. "Por favor chame o Conselho Tutelar não aguento mais ve meus fio passar fome, pedi ajuda para eles (sic)."

As crianças foram encontradas em um terreno, e estavam bem. Aos garotos, a mãe havia pedido para vigiar um carrinho de bebê, duas malinhas e o bilhete. Não sabiam que ela não iria mais voltar. O abandono comoveu muitos moradores do município de 62 mil habitantes, localizado no litoral catarinense. 

 

Os garotos foram encaminhados a um abrigo e estão sob proteção da Justiça. Não é a primeira vez que elas passam por uma instituição. Os conselheiros tutelares de Camboriú afirmam conhecer o histórico da família. A mãe teria passagens pela polícia por furto. O pai do menino está preso. O próprio garoto tem problemas de saúde e toma medicação controlada.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia e a mulher vai responder por abandono de incapaz por ter deixado os filhos na rua, em vez de levá-los ao Conselho Tutelar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.